spot_img
InícioDestaquesTSE aprova criação do União Brasil

TSE aprova criação do União Brasil

A sigla terá as maiores fatias dos fundos partidário e eleitoral e do tempo de propaganda na TV e rádio

- Publicidade -spot_img

Nesta terça-feira  (08) foi aprovado por unanimidade pelo  Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o pedido de fusão do DEM e PSL, para formar o União Brasil. Com a decisão , o União Brasil passa a ser o partido com maior bancada na Câmara e representa a união de dois protagonistas políticos : Luciano Bivar, do PSL, e ACM Neto, do DEM.

Na sessão a corte também validou o estatuto e o programa partidário. A legenda está apta a  participar das eleições de 2022 e terá como número nas urnas o 44.

 Um partido que nasce grande

 

O União Brasil, também  terá a maior fatia dos fundos partidário e eleitoral, e do tempo de propaganda eleitoral na TV e rádio, o que faz com que desperte o interesse de  alguns presidenciáveis.

A sigla será presidida pelo o atual presidente do PSL Nacional, o deputado Luciano Bivar . No seu estatuto, o União Brasil se denomina “social liberalista” e defende o papel do Estado como “regulador” da economia, focado em garantir à população serviços essenciais “como saúde, educação, segurança, liberdade, habitação e saneamento”.

No entanto  espera-se significativa migração de parlamentares descontentes com a fusão.  Os deputados dissidentes  devem aproveitar a  janela partidária, que permite, em um intervalo de tempo predeterminado antes das eleições para a Câmara, a mudança de sigla sem perda de mandato. Esse ano  a janela ficará aberta entre 3 de março e 1º de abril.

Redação Mídia Alternativa

- Publicidade -spot_img
-Publicidade -spot_img

CONECTADO

16,985FãsCurtir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever

Voce deve lêr

- Publicidade -spot_img

Leia mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui